Conheça as funcionalidades do ERP Microsoft Dynamics NAV

Numa altura em que todos estamos cansados de ouvir falar de crise e sobretudo de sentir as suas consequências, interessa olhar para o processo e perceber que os tempos difíceis também têm o dom de nos impor procedimentos ajustados. Sendo os recursos das empresas limitados, é imperativo geri-los da forma mais eficiente e eficaz e a orçamentação apresenta-se como uma peça fundamental.

O principal desafio de quem realiza o processo de orçamentação é a capacidade de prever o futuro, algo que não pode ser realizado com precisão exata. O ritmo acelerado das mudanças tecnológicas e a cada vez maior complexidade decorrente da concorrência global, tornam o desenvolvimento de orçamentos cada vez mais difícil, mas também mais crítico no sucesso das organizações.

O processo de orçamentação e as ferramentas que o suportam são fundamentais para estimar o nível de recursos que serão necessários no futuro para apoiar a execução das tarefas de cada uma das áreas que compõem as organizações, estimar a receita gerada pelas mesmas, tomar decisões sobre ciclos de investimento, no fundo, tornar tão previsíveis quando possível todos os vetores de gestão da organização. No processo de desenvolvimento do orçamento existem algumas diretrizes que devem ser consideradas porque comprovadamente influenciam a eficácia do mesmo:

- Ter em consideração o histórico de períodos anteriores​

- Perceber alterações no meio envolvente que possam condicionar o desempenho

- Alterações à estratégia da organização

- Construir o orçamento numa lógica "bottom up" envolvendo e responsabilizando os diferentes centros de decisão da organização

- Não usar a métrica "orçamento vs real" como unidade única de avaliação de performance dos colaboradores, por principio isto tende a distorcer a qualidade do orçamento

- Definir na elaboração do orçamento as regras e métricas que podem promover uma revisão ao orçamento

- Diminuir o mais possível o ciclo e complexidade da orçamentação.

As ferramentas de suporte e apoio ao desenvolvimento do orçamento são, como podemos facilmente concluir, fundamentais ao processo.

O ERP Microsoft Dynamics NAV​ inclui funcionalidades que permitem a utilização da informação histórica de períodos anteriores, a distribuição e contribuição de diferentes pessoas / centros de decisão para a construção do orçamento consolidado da organização, a "desconstrução" do orçamento em função da informação analítica que se revele importante e a criação de diferentes versões/revisões ao orçamento entre outras importantes funcionalidades. Tem ainda uma integração nativa com o Microsoft Office 365 que exponencia a usabilidade desta peça de gestão.

O processo pode ser mais completo, eficaz, competente, produtivo e eficiente sem ser necessariamente de execução mais complexa.

Pergunte-nos como poderemos ajudar a dotar a sua organização das ferramentas certas.​​

Outros temas:
Controlo de crédito de clientes que promove relações win-win​
Microsof Dynamics NAV: tecnologia OCR​
Como ganhar tempo com Power BI​